Fôrmas

Por Pedro Côrtes Loureiro

 

“Fôrmas”

 

A vida em forma me formou

Em fôrmas feita forma

Deformada

Em formas informa a fôrma

Que em fôrmas é que se deforma

Basta ver todas as formas conhecidas

E ver a fôrma que deforma, de formas não sabidas

As formas em que se formam vidas

Se me torno torto em torno

Entorno de mim tornam-se tortos

Os que não haviam se tornado ainda

De formas que certamente não sei

Tornam-se tortas as fôrmas

As quais deformam as formas

Que enfim entortam as fôrmas

Tomemos forma, tornemo-nos fôrma

Formemos o torto que entorno de nós

Deforma

 

Março/abril/maio de 2014

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: